16/01/2008

Análise política na televisão

-Luis Filipe Menezes avançou com a ideia, Pedro Santana Lopes defendeu-a ontem na SIC-Notícias, estou a falar dos critérios de escolha dos comentadores políticos na televisão, primeiro não dei grande relevo ao assunto, depois pensei um pouco melhor, lembrei-me do triste episódio protagonizado por Rui Gomes da Silva, quando criticou o então comentador de política na TVI, Marcelo Rebelo de Sousa, e chego á conclusão que esta gente acredita mesmo nos disparates que afirma, achando-se no direito de condicionar a livre escolha dum operador de televisão quanto aos seus comentadores e analistas políticos. A estupidez chega tão longe, quanto sugerir os nomes de Manuel Alegre ou Ribau Esteves para protagonizarem tais programas, que esqueceram-se dum pormenor, caso um deles não consiga obter as audiências esperadas, estarão o PSD e a sua actual direcção, dispostos a indemnizar o operador das eventuais quebras de receita publicitária, resultante da falta de audiências? Ou pretendem colocar o anúncio de publicidade institucional durante os comentários do dr. Ribau Esteves? Não sei o que pensará Augusto Santos Silva, bem como o governo socialista desta proposta social democrata, mas não me custará acreditar, que quem já tentou controlar a comunicação social, possa vir a apreciar esta proposta aberrante, como uma boa base de trabalho. Por mim, gosto de ouvir Pacheco Pereira, com quem estou em quase permanente desacordo, como ouço António Vitorino ou Marcelo Rebelo de Sousa, mas quando quero, e não quando mo impõem, o que pretende o PSD é reduzir os comentadores á figura de papagaios, mas para tal já existem os direitos de antena. E deixem a comunicação social em paz, queixarem-se da intromissão do governo, e virem depois com ideias destas, mais do que comportamento errático, é desonestidade intelectual.

7 comentários:

cadeiradopoder disse...

O PSD tanto mais cai no ridículo que quando abre a boca é só para ser apanhado em contradições como essa, a de bradar aos céus a falta de liberdade e tentar condicionar por outro lado.

Tiago R. Cardoso disse...

No mínimo ridículo essa de querer designar comentadores, já não bastou tentar designar o presidente do BCP, por acaso não querem mais nada...

São disse...

Desta vez, concordo em pleno consigo.
Saudações!

SILÊNCIO CULPADO disse...

António Almeida
Está a escrever que nem a minha alma a falar!..
Ao que este país chegou!...

bluegift disse...

Salva-se o JPP, que pelo menos diz o que pensa agrade ou não ao partido. Agora papagaios como o Vitorino e mentirosos com os dentinhos todos como o Marcelo bem podiam ir apanhar ar, e bem longe!

Menino Mau disse...

boa malha antónio

quin[tarantino] disse...

No fundo, o que Menezes quer é uma repartição, também aqui, de "tempo de antena" entre boys!!!!