30/01/2008

Remodelação

-No actual governo ficámos ontem a perceber, que só existem remodelações quando solicitadas pelos próprios titulares das pastas, aconteceu com Campos e Cunha e Freitas do Amaral, repete-se agora com Isabel Pires de Lima e Correia de Campos. Pelo meio ainda António Costa, mas esse respondendo ao desígnio do Partido Socialista em tentar salvar Lisboa da ruinosa situação em que o PSD a deixou. Ouvir ontem á noite o ministro Manuel Pinho na SIC-N afirmar que a sua permanência no cargo era resultado do crescimento obtido por acção do seu ministério, não faz pois qualquer sentido, face ás explicações que as remodelações agora verificadas foram solicitadas pelos próprios, incluindo o secretário de estado dos assuntos fiscais, somos obrigados a concluir que Manuel Pinho, Jaime Silva, Nunes Correia e Mário Lino permanecem nas pastas, apenas porque não terão solicitado demissão ao primeiro-ministro. Afinal quem determina as orientações políticas? As declarações de Ana Jorge que pretende continuar as reformas no ministério da saúde são significativas, se a política seguida é para continuar, mudar o ministro para quê? Não comentando os novos titulares das pastas, seria tremendamente injusto para quem ainda nem sequer tomou posse, ao novo ministro da cultura, sabe-se ser advogado, membro do conselho de administração da Fundação Berardo, e frequentar acontecimentos culturais. Por mero acaso visitei este mês o Louvre, pena não ser socialista, de contrário seria candidato a secretário de estado?

5 comentários:

Blondewithaphd disse...

Remodelações?! Que é isso?!

quintarantino disse...

António, desculpe mas ponha-se na bicha... que é lá isso? Visita o Louvre é já se vislumbra secretário de Estado? Então e o meu percurso académico feito em duas visitas de longo curso ao Vale do Loire, ao Louvre, a Versailles, a Fontainebleau, a Serralves não contam para nada? Olha-me este ... lá para trás!

[isto é, obviamente, brincadeira]

Tiago R. Cardoso disse...

Concluido, sairam porque pediram para sair, não foram colocados fora, era suposto alguém acreditar nisso ?

NuNo_R disse...

Bem, como eu ainda não fui ao Louvre e se o fizer não será para breve, Posso perguntar se existirá um "tachinho" para mim, nas vossas sercretarias de Estado?

Já que eles safam os amigos, tb vocês podiam fazer o mesmo eheh


abr...prof...

SILÊNCIO CULPADO disse...

Remodelação para inglês ver e para que quem foi ao Louvre possa pensar que será o próximo a ser nomeado.
O post está bem e eu concordo que se tem que esperar para ver mas será que não dá para nos apercebermos do que nos espera?
Um abraço, amigo. O que nos vale são estes cumprimentos.